quarta-feira, julho 25, 2007

60 anos de Ufologia, 150 de Espiritismo

Em 24 de junho de 2007 comemoramos 60 anos de Ufologia. E dois meses antes, em 18 de abril, 150 anos de Espiritismo. Mas o que há de especial nisso? É que naquela data de 1857, com o lançamento de O Livro dos Espíritos, surgiu a Doutrina Espírita e uma nova interpretação do universo. Segundo os espíritos, há no cosmos uma pluralidade de mundos habitados. “Há vida em todos os globos”, afirmaram.

Nos livros seguintes eles estenderam ainda mais esse pensamento: “Cada globo tem sua população própria de espíritos encarnados e desencarnados”. Isso significava dizer que, nos mundos do infinito, além dos corpos densos, há também os sutis, em que os espíritos encarnam. Na época, a aceitação de que o espírito pode comunicar-se com o homem não era nada fácil, e menos ainda que pudesse se corporificar em matéria também invisível e em outros mundos.

Em 1947, ao surgir a Era Moderna dos Discos Voadores, o Fenômeno UFO veio corroborar na prática aquilo que os espíritos já haviam registrado 90 anos antes.

Allan Kardec, dois meses antes de sua desencarnação, registrou na edição de janeiro de 1869 da Revista Espírita: “O Espiritismo é uma opinião que não exige qualquer profissão de fé, e pode estender-se ao todo ou em parte dos princípios da doutrina. Basta simpatizar com a idéia para ser espírita”. O Espiritismo de Kardec não é uma religião constituída, mas uma doutrina moral, que interpreta filosofia, ciência e religião à luz do que disseram os espíritos codificadores. Com seu postulado de pluralidade de mundos habitados, interpreta também a Ufologia nos seus aspectos científico e espiritual.


Fonte
http://www.ufo.com.br/index.php?arquivo=notComp.php&id=3155

2 comentários:

adinho disse...

Interessante o seu artigo.
Estou seguro que há vida em outros palnetas, desde culturas primitivas até deuses astronautas, para usar uma expressão de Erik Von denekein.

Clodoaldo Mendonça Filho

cabeça disse...

muinto bom o artigo, gostaria de saber mais sobre o assunto ,fiquei muinto curioso, obrigado